Descarbonização

International Wineries for Climate Action junta-se à Race to Zero

A International Wineries for Climate Action (IWCA) associou-se ao programa das Nações Unidas Race to Zero.

A International Wineries for Climate Action (IWCA) associou-se ao programa das Nações Unidas Race to Zero, tornando-se o primeiro membro da iniciativa a representar a indústria agrícola e vinícola, informa o portal Sustainable Brands.

“Embora a indústria vitivinícola seja responsável por poucas emissões, é uma das atividades agrícolas mais afetadas pelas alterações climáticas globais”, disse o UK High Level Climate Champion for COP26, Nigel Topping.

A IWCA afirma que a juntar-se a este projeto “tornar-se-á um facilitador e defensor dentro das indústrias vitivinícola e agrícola para a construção de dinâmicas e apoios para soluções imediatas que ajudem os produtores de vinho e os proprietários de vinhas a se tornarem climaticamente positivos”. Além disso, compromete-se a publicar um relatório anual sobre os progressos quanto às emissões, em relação aos seus membros, algo que é exigido pela Race to Zero.

Recorde-se que a Race To Zero foi lançada em antecipação do COP26, que ocorre em novembro. Até ao momento, a campanha já mobilizou coligações de entidades com iniciativas de emissão zero, que representam mais de 12% da economia global – 471 cidades, 1.675 empresas, 569 universidades e 85 investidores.

A IWCA foi fundada em 2019 pela vinícola espanhola Familia Torres e pela produtora de vinho americana Jackson Family Wines.  De referir que a Symington é uma das empresas integrantes desta coligação de adegas.