Energias Renováveis

Primeira central fotovoltaica da Iberdrola em Portugal entra em funcionamento

Primeira central fotovoltaica da Iberdrola em Portugal entra em funcionamento

A central fotovoltaica Algeruz II entrou em funcionamento. A central é a primeira instalação deste tipo do grupo Iberdrola em Portugal.

Em comunicado, a empresa revela que a central vai gerar energia limpa suficiente para abastecer mais de 11 mil casas e evitar a emissão de 13 400 toneladas de CO2 para a atmosfera por ano.

O projeto, que envolveu um investimento de 17,8 milhões de euros, criou mais de 200 empregos durante os períodos de pico de construção.

A construção da central surgiu após a empresa ter ganho sete lotes no leilão de energia solar de 2019. Dos sete projetos fotovoltaicos, três estão em construção e devem entrar em operação comercial durante este ano. Essas centrais são a de Conde (13,51 MW), Alcochete I (32,89 MW) e Alcochete II (12,72 MW), também localizadas no distrito de Setúbal.

Além disso, os projetos Montechoro I (11,57 MW), Montechoro II (24,95 MW) e Carregado (64,1 MW), concedidos no mesmo leilão, estão em processo de obtenção da licença de construção, e o início de suas operações está previsto para 2023, quando a capacidade fotovoltaica da Iberdrola em Portugal totalizar 187 MW.