- Revista Sustentável - https://www.revistasustentavel.pt -

Estudo indica que vidro mantém-se como único material 100% reciclável

O estudo Status Quo: Indicadores de Sustentabilidade do Vidro e Materiais Alternativos de Embalagem indicou que o vidro [1] continua a ser o único material que permite 100% de reciclabilidade.

Segundo o explicado, na investigação da Fraunhofer Cluster Circular Plastics Economy [2] para a FEVE [3] (Federação Europeia de Vidro de Embalagem), o vidro apresenta-se como o material de embalagem com melhor capacidade de reciclagem, um processo crucial para a economia circular e para a preservação de recursos naturais.

Neste sentido, defende a Friends of Glass o papel crescentemente mais relevante na promoção da escolha de produtos embalados em vidro e na posterior reciclagem das embalagens após a utilização. Assim, “o estudo evidencia que apenas no caso do vidro é possível uma reciclagem 100% eficiente, o que não acontece, por exemplo, com as embalagens de plástico, papel/cartão ou alumínio”.

A justificar esta alternativa está o facto de, nas embalagens de vidro, a maioria dos componentes serem monomateriais, ou seja, numa fase posterior à utilização torna-se mais fácil separar outros componentes como rótulos e tampas. “Isto significa que o vidro pode ser reciclado infinitas vezes de forma eficiente”, conclui o estudo. Por outro lado, o papel e plástico apresentam embalagens que frequentemente são compostas por várias camadas de materiais especiais, o que torna a separação destes componentes um verdadeiro desafio para uma reciclagem de qualidade. Por fim, as embalagens de alumínio “integram diferentes ligas e etiquetas com impressão química, que também dificultam o processo de reciclagem”.