Desplastificação

Pacto Português para os Plásticos supera objetivos no primeiro ano

A iniciativa Pacto Português para os Plásticos (PPP), liderada pela associação Smart Waste Portugal, superou os objetivos definidos para o primeiro ano. Em comunicado, a plataforma de colaboração revela que conseguiu listar os plásticos de uso único problemáticos e/ou desnecessários para eliminar até 2025. Além disso, possui agora perto de cem membros e considera ter sensibilizado milhares de consumidores para a urgência da sustentabilidade no setor.

“Conseguir envolver mais de 90 entidades em tão pouco tempo e, sobretudo, num período particularmente desafiante, demonstra a prioridade que os membros do Pacto Português para os Plásticos colocam na sustentabilidade e circularidade dos plásticos, revelando o potencial desta iniciativa para alcançar as ambiciosas Metas 2025”, afirma Pedro São Simão, coordenador do PPP.

Para 2021 foi lançado o Roadmap 2025, um documento estratégico do PPP que indica o caminho a seguir para a concretização das ambiciosas metas estabelecidas.

A esta iniciativa junta-se a segunda fase da Campanha “Vamos Reinventar o Plástico”, centrada nas questões da “reutilização” e da “reciclagem”. A campanha estará presente em várias lojas dos membros do Pacto, tendo também uma componente digital.

O PPP tem a transição para a economia circular para os plásticos em Portugal como objetivo e possui membros como a Coca-Cola, a Cascais Ambiente, a Sociedade Ponto Verde e a Sonae.