Energias Renováveis

Materiais de perovskita podem ajudar a produzir hidrogénio renovável

Materiais de perovskita podem ajudam a produzir hidrogénio renovável

Uma análise dos investigadores do National Renewable Energy Laboratory (NREL), nos Estados Unidos da América, revelou que os materiais de perovskita podem ajudar no processo de produção de hidrogénio renovável.

Os investigadores analisaram a produção de hidrogénio pela via termoquímica solar (STCH, na sigla em inglês), que pode ser mais energeticamente eficiente que a produção através do eletrólise. A eletrólise precisa de eletricidade para dividir a água em hidrogénio e oxigénio. O STCH baseia-se num processo químico em duas etapas em que os óxidos metálicos são expostos a temperaturas superiores a 1 400 graus Celsius e, em seguida, reoxidados com vapor a temperaturas mais baixas para produzir hidrogénio.

“É certamente um campo muito desafiante, e tem muitas questões de investigação ainda sem resposta, principalmente na perspetiva dos materiais”, disse o engenheiro sénior da NREL, Zhiwen Ma, citado em comunicado.

Na investigação em curso, o desenvolvimento de novos materiais de perovskita envolve machine learning, defect calculations e trabalho experimental. Os investigadores precisam identificar perovskita capaz de lidar com as altas temperaturas necessárias para se atingir os alvos de desempenho.

“O material não foi necessariamente encontrado”, disse a coautora do estudo, Genevieve Saur, “mas esta análise serve para fornecer alguns limites para os custos que pensamos que os materiais terão de forma a cumprirem alguns dos objetivos e expectativas que a comunidade de pesquisa prevê”.