Reciclagem

Recolha de PET ultrapassa um milhão de garrafas

Foram entregues mais de um milhão de garrafas de bebida em plástico nas máquinas de recolha automática instaladas em 23 grandes superfícies comerciais de norte a sul do país, no âmbito de um projeto-piloto. O balanço foi anunciado, hoje, pela Secretária de Estado do Ambiente, Inês Santos Costa, em declarações à Agência Lusa.

Este projeto é gerido por um consórcio da Associação Águas Minerais e de Nascente de Portugal, da Associação Portuguesa das Bebidas Refrescantes Não Alcoólicas (PROBEB) e da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED).

Financiado pelo Fundo Ambiental, o projeto incentiva os cidadãos a depositarem as garrafas de bebidas do tipo PET, não reutilizáveis, nestas máquinas. Em troca recebem talões no valor total correspondente às quantidades devolvidas – dois cêntimos por cada garrafa entre 0,1 e 0,5 litros, e cinco cêntimos por cada garrafa acima de 0,5 e até 2 litros. Até à data, foram pagos em vales cerca de 44 mil euros, de acordo com a Secretária de Estado.

Inês Santos Costa declarou ainda à Agência Lusa que serão assinados oito contratos de projetos-piloto de sistema de reembolso de depósito de garrafas de bebidas e latas. Estes contratos estão enquadrados no Programa Ambiente, decorrente do acordo EEA Grants assinado entre Portugal, Noruega, Islândia e Liechtenstein. Os projetos correspondem a um investimento de seis milhões de euros, dos quais 5,8 milhões serão financiados pelo EEA Grants.