Energias Renováveis

Investigadores propõem transição energética centrada em sistemas fotovoltaicos

Capa do livro foto CMVNF scaled e

Os investigadores Joaquim Carneiro e Mário Passos, da Escola de Ciências da Universidade do Minho, defendem um novo paradigma energético para Portugal com base nos sistemas fotovoltaicos. O projeto é apresentado no livro “Sistemas Fotovoltaicos – Fundamentos sobre Dimensionamento”, apresentado hoje (29) na Casa das Artes, em Vila Nova de Famalicão.

“O peso da fileira fotovoltaica é cada vez mais relevante nas energias renováveis em Portugal, que recebe elevados níveis de fluxo solar, além de ter um impacto muito positivo no clima e na melhoria da balança comercial do país, reduzindo assim a importação de fontes fósseis”, explicam Joaquim Carneiro e Mário Passos.

Em 2016, Portugal assumiu o desígnio da promoção e materialização da transição energética, com vista à neutralidade carbónica até 2050, através da drástica redução das emissões de gases com efeito de estufa e, também, da intensificação de fontes de energia endógenas e renováveis.

No livro, os investigadores da Universidade do Minho caraterizam os sistemas fotovoltaicos, aprofundam sobre materiais semicondutores e propriedades optoelectrónicas, fornecem metodologias de cálculo e resolvem casos de estudo, auxiliando assim na conceção, dimensão e instalação daqueles sistemas, quer sejam autónomos, ligados à rede e por bombagem de água, por exemplo.