Ordem dos Engenheiros visita porto de Sines

Ordem dos Engenheiros visita porto de Sines

Uma delegação da Secção de Hidráulica e Recursos Hídricos da Ordem dos Engenheiros visitou o porto de Sines, tendo-se inteirado das condições operacionais dos vários terminais portuários, proporcionado pelas duas principais infraestruturas marítimas de proteção – o Molhe Oeste com 1.600 metros e o Molhe Leste que, após as obras em curso, ficará com 2.600 metros de comprimento.

Durante o evento, a delegação teve oportunidade de visitar a obra de ampliação do Molhe Leste, em fase de conclusão, que compreende uma extensão de 400m e permitirá aumentar as condições de segurança dos navios em operação no Terminal de Contentores de Sines (Terminal XXI). Considerando as características físicas do Porto de Sines, nomeadamente no que respeita à profundidade das águas, esta obra tem sido acompanhada com bastante interesse por parte da Ordem dos Engenheiros.

Os participantes tiveram ainda oportunidade de conhecer os grandes desafios técnicos que foram colocados à engenharia portuguesa e mundial na construção e posterior reabilitação do Molhe Oeste. Com recurso a um filme histórico foi possível apresentar todo o processo de recuperação do molhe, que o tornou numa infraestrutura de referência internacional e que tem servido de caso de estudo para toda a sociedade científica.

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever