Descarbonização

Next Generation EU: Maiores investimentos portugueses são em sustentabilidade

Next Generation EU: Maiores investimentos portugueses são em sustentabilidade

Os maiores investimentos (com valores superiores a 10 milhões de euros) de empresas em Portugal, no âmbito do fundo de recuperação da União Europeia (Next Generation EU), são, sobretudo, nas áreas do investimento produtivo, I&D, eficiência energética e energias renováveis. A revelação é do inquérito realizado pela Fi Group e a consultora LLYC às empresas, no âmbito da consulta pública ao Plano de Recuperação e Resiliência.

Os resultados deste levantamento indicam que a grande maioria das empresas – 83,9% – têm interesse na realização de investimentos até ao final de 2023, data-limite para a execução do Next Generation EU.

Quanto à tipologia dos projetos e respetivo investimento, nos planos de investimento até 1 milhão de euros destacam-se as áreas de qualidade, formação/qualidade profissional e internacionalização. Os investimentos entre 1 e 5 milhões de euros têm especial relevância nas áreas de investimento produtivo, projetos de investigação e desenvolvimento e digitalização.

Os setores de atividade com maior peso na amostra deste estudo e com maior interesse na captação dos fundos que resultam do PRR são a Indústria transformadora (44,6%) e as atividades de consultoria científica e técnica (19%). Aproximadamente duas em cada três são PMEs e 70,2% têm ligação ao comércio externo por via da importação e/ou exportação.