Mobilidade

Nestlé Portugal aposta em projeto-piloto para combustível renovável em camiões de logística 

Nestlé Portugal aposta em projeto-piloto para combustível renovável em camiões de logística 

A Nestlé Portugal iniciou um projeto-piloto para substituir o gasóleo convencional utilizado nos camiões dos seus fornecedores de logística por Óleo Vegetal Hidrogenado (HVO). O projeto teve início no passado dia 30 de outubro, em parceria com a TJA e a Repsol Portuguesa.

Este combustível começou a ser utilizado num camião que percorre a rota de distribuição da Nestlé, com início na fábrica de Avanca, passando pela Azambuja, Lisboa e regressando a Avanca.

A Nestlé afirma que a alteração leva a uma “redução de forma imediata em pelo menos 80% das emissões de gases com efeito de estufa por quilómetro percorrido, sem a necessidade de nenhum tipo de alteração ao motor do camião”. “Esta redução é obtida no ciclo de vida do produto, uma vez que a utilização de resíduos contribui para a economia circular, valorizando recursos que de outra forma seriam desperdiçados”, nota ainda.

A multinacional tem como perspetiva implementar este projeto-piloto durante três meses e, em 2024, alargar o mesmo a mais rotas. Os postos de abastecimento deste combustível encontram-se em Vila Nova da Rainha, no município da Azambuja, e Antuã, em Estarreja.

“A Nestlé volta a ser pioneira na sua operação no mercado português ao testar esta solução de combustível. Com este projeto, apostamos na descarbonização da nossa atividade logística, enquanto trabalhamos para minimizar o nosso impacto no meio ambiente. Este é mais um passo significativo em direção ao compromisso de reduzirmos 20% das nossas emissões até 2025.”, afirma Hugo Silva, Iberian Sustainability Specialist.

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever

Download SU

Não perca informação: Subscreva as nossas Newsletters

Subscrever