Consumo Ético

Sobrepesca leva a um desperdício de alimentos para 72 milhões de pessoas

O mundo desperdiça proteína suficiente para satisfazer as necessidades anuais de 72 milhões de pessoas, devido à sobrepesca, afirma o Marine Stewardship Council (MSC) – uma organização ambiental sem fins lucrativos.

Segundo a organização, o consumo global de produtos do mar aumentou 122% nos últimos 30 anos. Mais de um terço das unidades populacionais de peixes a nível mundial foram pescadas para além dos limites sustentáveis. As últimas estimativas da MSC apontam que poderiam ter sido capturadas mais 16 milhões de toneladas de peixe e marisco por ano, se as pescarias globais fossem mais bem geridas.

O dr. Rohan Currey, diretor de ciência e normas do Marine Stewardship Council, declara que “combater a sobrepesca é um benefício mútuo para o nosso planeta. Ao conservarmos os nossos abundantes recursos marinhos, permitimos também que mais pessoas tenham acesso à proteína de que necessitam para uma vida saudável”.

Em comunicado, a MSC revela que “as práticas de pesca sustentáveis aumentariam a proteína adicional disponível para satisfazer as necessidades anuais de uma população equivalente a seis vezes a população do nosso país”.

Em 2020, havia 409 pescarias em todo o mundo certificadas de acordo com a norma de sustentabilidade do MSC, estando outras 89 em processo de avaliação.